SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.58 número223 índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Archivos de Zootecnia

versión impresa ISSN 0004-0592

Resumen

MARTINS, C.E.N. et al. Forma e função em vacas braford: o exterior como indicativo de desempenho e temperamento. Arch. zootec. [online]. 2009, vol.58, n.223, pp.425-433. ISSN 0004-0592.

O objetivo deste trabalho foi buscar ferramentas que possam auxiliar os produtores na tomada de decisão ao selecionar vacas mais adaptadas às condições ambientais e que apresentem temperamento mais dócil. Para isso, foram tomadas 11 medidas corporais de 84 vacas Braford e adotou-se como índices de desempenho, a eficiência produtiva (EP= média do peso das progênies ao desmame x número de partos/(idade atual - 2)) e a habilidade materna mais provável (HMMP) a qual representa a capacidade da vaca em desmamar progênies mais pesadas. Para classificar o temperamento dos animais utilizou-se uma escala de temperamento e o tempo que os animais levavam para percorrer uma distância de 6,5 metros, imediatamente após saírem do tronco de contenção até o final do brete. Observou-se que os animais de tamanho corporal grande foram os que apresentaram as melhores produções no ambiente em estudo, diferindo dos grupos de tamanho corporal médio e pequeno, para a HMMP (p= 0,04) e do grupo de tamanho corporal pequeno, para a EP (p= 0,01). Houve uma correlação positiva e altamente significativa entre as medidas corporais e os índices produtivos adotados neste trabalho, com exceção das medidas: comprimento de anca e as alturas das cruzes e de anca. Observou-se que, em animais com redemoinho capilar (independentemente do tipo) acima da linha dos olhos, há alta porcentagem de indivíduos agitados quando comparados aos animais de redemoinho na linha dos olhos e animais sem redemoinhos (p<0,01). Houve uma tendência dos animais que apresentaram redemoinho do tipo espiral ter maior escore de temperamento e menor tempo de saída do brete. As medidas corporais e a posição do redemoinho capilar facial podem constituir uma ferramenta que venha auxiliar o produtor na tomada de decisões ao selecionar qual o biotipo mais adequado ao seu sistema de produção.

Palabras clave : Eficiência produtiva; Habilidade materna mais pro-vável; Medidas corporais; Redemoinho capilar.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )