SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.58 número223Valor energético de subprodutos da agroindústria brasileiraEvaluación de estrés en el pecari tajacu sometido a dos densidades de población índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Archivos de Zootecnia

versión impresa ISSN 0004-0592

Resumen

ZANINE, A.M. et al. Comparação do habito alimentar de eqüídeos sob pastejo. Arch. zootec. [online]. 2009, vol.58, n.223, pp.459-462. ISSN 0004-0592.

Foi conduzido um experimento com o objetivo de avaliar as diferenças no comportamento de eqüídeos em pastagem de coast-cross. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, com três categorias (cavalos, éguas e mulas) representando os tratamentos, cada um com sete repetições. O período experimental foi de 40 dias, sendo 25 para adaptação dos animais e 15 para avaliações, que consistiram de três repetições, com duração de 24 horas cada, em intervalos de cinco dias. O teste t demonstrou que os cavalos passaram menos tempo pastejando durante o dia (6,38 horas) em relação às éguas (8,85 horas) e mulas (7,33 horas). Em relação ao tempo total em pastejo, as mulas gastaram mais tempo (14,77 horas), enquanto os cavalos pastejaram durante 11,60 horas. Os cavalos permaneceram maior tempo em ócio que as éguas e mulas, enfatizando a menor exigência nutricional dos cavalos. Não foram observadas diferenças entre cavalos e éguas, com relação à quantidade de bocados por minuto. As éguas e mulas aumentaram o seu tempo de pastejo como forma de atingir suas exigências nutricionais, já que não houve diferença na freqüência de bocados.

Palabras clave : Éguas; Cavalo; Mula; Taxa de bocados.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons