SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.61 número233 índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Archivos de Zootecnia

versión impresa ISSN 0004-0592

Resumen

OLIVEIRA, R.M. et al. Características in vivo e componentes corporais de cabritos naturalizados do Alto Camaquã, Brasil. Arch. zootec. [online]. 2012, vol.61, n.233, pp.43-54. ISSN 0004-0592.  http://dx.doi.org/10.4321/S0004-05922012000100005.

O principal objetivo do estudo foi avaliar as características in vivo, os componentes corporais, os custos de produção e calcular equações de regressão para as principais características de interesse comercial de caprinos. Para este estudo foram utilizados cabritos cruza Angorá, acompanhados durante um ano e abatidos com 11-12 meses (lote 1, n=20). A partir dos resultados do lote 1, foi abatido um segundo lote (lote 2, n=14) com animais de 8-9 meses de idade. Ambos os lotes foram criados em sistema extensivo no território do Alto Camaquã (Estado do Rio Grande do Sul, Brasil). Os cabritos abatidos com idade de 11-12 meses apresentaram custos de produção de R$/US$ 0,93/0,53 kg/peso vivo e R$/US$ 1,86/ 1,06 kg/carcaça e atingiram o peso de abate já aos 6-7 meses de idade. As equações de regressão determinaram que o perímetro torácico é a melhor característica para estimar o peso em jejum, já a compacidade corporal é melhor estimada pelo peso em jejum. Os caprinos abatidos com 8-9 meses tiveram maiores valores para as principais características avaliadas, quando comparados aos abatidos com 11-12 meses. A maior parte dos componentes corporais dos lotes avaliados demonstrou comportamento isogônico. Os resultados indicam que cabritos criados em sistema extensivo no território do Alto Camaquã, devem ser abatidos no período que antecede o inverno e a idade ótima de abate é de 8-9 meses, com peso vivo ao redor de 22 kg para as características avaliadas.

Palabras clave : Biometria; Sistema extensivo; Alometria; Crescimento; Desenvolvimento.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )