SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.61 número233Alimentação de leitões em creche com dietas contendo ácido ascórbico e bioflavonóidesEstacionalidad reproductiva en machos caprinos Criollo-Neuquinos de la Patagonia Argentina índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Archivos de Zootecnia

versión impresa ISSN 0004-0592

Resumen

DOMINGUEZ, J.H.E.; COSTA, D.S.; CENTURION, V.J.  y  BRUMATTI, R.C.. Análise marginal dos custos da utilização de sêmen sexado macho para produção de touros Nelore. Arch. zootec. [online]. 2012, vol.61, n.233, pp.111-118. ISSN 0004-0592.  http://dx.doi.org/10.4321/S0004-05922012000100012.

Objetivou-se com esta pesquisa avaliar a viabilidade econômica da utilização de sêmen sexado macho para produção de touros Nelore. O experimento foi realizado em duas propriedades de criadores e selecionadores de touros Nelore para comercialização. Foram inseminadas 663 fêmeas, sendo 433 novilhas de dois anos de idade e 230 vacas adultas sem bezerro ao pé. O escore corporal médio dos animais era de 3,25±0,5 numa escala de 1-5. A taxa total de gestação das fêmeas inseminadas com sêmen sexado macho dos touros A, B e C foi de 38,76% (131/338), valor inferior (p<0,001) à taxa total de gestação observada nas fêmeas inseminadas com sêmen convencional dos mesmos touros, que foi de 57,85% (188/325). O uso de sêmen sexado macho apresentou um lucro de 1163,43 dólares, em relação à utilização de sêmen convencional para produção de reprodutores Nelore. Concluiu-se que a utilização de sêmen sexado de macho é economicamente viável para produção de touros Nelore, entretanto apresenta maiores riscos que a utilização de sêmen convencional para esse propósito.

Palabras clave : Avaliação econômica.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons