SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 número2Iniciativa Conjunta por una Vacuna contra el SIDA índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


International Microbiology

versión impresa ISSN 1139-6709

Resumen

BAQUERO, Fernando. Evolução e natureza do tempo. INT. MICROBIOL. [online]. 2005, vol.8, n.2, pp.81-91. ISSN 1139-6709.

No pensamento evolutivo, o conceito de tempo é crítico, mas os biólogos evolutivos raramente o consideram como um objeto de pesquisa teórica. A evolução significa uma possibilidade de acessar ao futuro dos organismos replicativos; ou seja, a recompensa evolutiva é paga com a extensão do tempo. A entidades replicativas obtêm tempo, mas para elas o tempo só serve para se replicar, para evolucionar e para expandir além a fronteira do tempo. Revisamos e tratamos aqui a possível influência de considerar o tempo, não como uma mera dimensão (ou uma condição intuitiva a priori para a experiência humana), mas como um objeto em si mesmo. Pelo menos como uma metáfora, podemos considerar o tempo como uma entidade autorreplicativa enraizada nas naturezas físicas (entre eles, os biológicos) que acaba produzindo tempo dimensional. A autorreplicação do tempo força as naturezas a se replicar para sustentar a subseqüente replicação do tempo. Neste sentido, o conjunto tempo-replicação pode constituir a força motriz, o motor básico que proporciona energia direcional ao processo evolutivo. Se apresentam aqui as raízes filosóficas, as advertências e as perspectivas destas hipóteses. A metáfora do tempo replicativo joga com a possibilidade de devolver o tempo desde sua função meramente reguladora da pesquisa científica a uma posição de constituinte da natureza real e criativo e por isso objeto de pesquisa para as ciências naturais.

Palabras clave : evoluçao; tempo evolutivo; tempo como entidade replicativa; tempo (natureza).

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons