SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue47Quality of life of nursing assistants and technicians retired from a university hospitalStudy of job satisfaction in primary healthcare in an area of Asturias author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Enfermería Global

On-line version ISSN 1695-6141

Abstract

LOPES, Antonia Mauryane; MOURA, Laís Norberta Bezerra de; MACHADO, Raylane da Silva  and  SILVA, Grazielle Roberta Freitas da. Qualidade de vida de pacientes com doença de Crohn. Enferm. glob. [online]. 2017, vol.16, n.47, pp.321-368.  Epub July 01, 2017. ISSN 1695-6141.  http://dx.doi.org/10.6018/eglobal.16.3.266341.

Objetivo

Avaliar a qualidade de vida dos pacientes com doença de Crohn atendidos no ambulatório de um Hospital Universitário.

Método

Estudo descritivo-exploratório transversal em Hospital Universitário do Piauí- Brasil, de Julho a Dezembro de 2015, e amostra de 52 pacientes com Doença de Crohn. Aplicou-se formulário para caracterização sociodemográfica e clínica, e, o instrumento "Inflammatory Bowel Disease Questionnaire” para avaliar a qualidade de vida.

Resultados

A maioria sexo feminino, adultos, autodeclarados pardos, casados, com renda familiar de dois salários mínimos (392 euros), ensino médio completo e não ingerem bebidas alcoólicas nem fumam. Apresentaram tempo de diagnóstico maior que cinco anos e estão parcialmente em remissão da doença. Não apresentaram acentuada frequência de perda de peso, diarreia e dores abdominais nos últimos três meses. Os pacientes tiveram internação hospitalar devido à doença de crohn, um quarto deles realizaram ressecção cirúrgica do intestino e como complicações as fistulas tiveram mais presentes. Como tratamento medicamentoso, utilizam associação de imunomodulares e azatioprina. A maioria realizaram exames laboratoriais para controle, seguida de colonoscopia e nunca abandonaram o tratamento. Apresentaram qualidade de vida regular e tiveram a resposta “Nunca” como a mais pontuada no instrumento. Nos domínios dos sintomas sistêmicos, aspectos sociais e emocionais a qualidade de vida foi regular, e nos sintomas intestinais foi satisfatória com média 56,15.

Conclusão

Os pacientes com doença de Crohn apresentam qualidade de vida regular.

Keywords : Qualidade de Vida; Doença de Crohn; Enfermagem.

        · abstract in English | Spanish     · text in English | Spanish | Portuguese     · English ( pdf ) | Spanish ( pdf ) | Portuguese ( pdf )