SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 número53Estado nutricional en las personas con insuficiencia cardíaca crónica y/o enfermedad pulmonar obstructiva crónica. Impacto en la calidad de vida y en las exacerbacionesLa realización del test diagnóstico para el VIH entre los participantes del carnaval índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Enfermería Global

versión On-line ISSN 1695-6141

Resumen

BEZERRA, Thaissa Blanco et al. Percepção da equipe de enfermagem sobre o clima segurança organizacional de um hospital público. Enferm. glob. [online]. 2019, vol.18, n.53, pp.86-133.  Epub 14-Oct-2019. ISSN 1695-6141.  http://dx.doi.org/10.6018/eglobal.18.1.309061.

Objetivo:

Avaliar a percepção da equipe de enfermagem sobre o clima de segurança organizacional em um hospital que é referência na região metropolitana da capital de Mato Grosso, Brasil, e verificar se houve diferença estatisticamente significante na percepção do clima de segurança organizacional entre as categorias dos auxiliares, técnicos de enfermagem e enfermeiros.

Método:

Estudo descritivo, transversal, com profissionais da enfermagem, por meio do questionário autoaplicávelSafety Attitudes Questionnaire(SAQ), adaptado e validado para o Brasil.

Resultados:

A amostra foi composta por 139 profissionais de enfermagem. A média dos domínios do SAQ variou entre 42 a 73 pontos, classificada como baixa. A avaliação dos domínios evidenciou as menores médias para condições de trabalho e percepção da equipe de enfermagem sobre a gerência da unidade e gerência do hospital, respectivamente.

Conclusão:

Foi verificado baixa percepção do clima de segurança na instituição, visto que não foi alcançado escore satisfatório em nenhum dos domínios investigados, exceto para o domínio satisfação do trabalho, ainda assim, de forma limítrofe. Dessa forma, percebeu-se o distanciamento da administração do hospital e da gestão da unidade em atividades relacionadas à segurança do paciente, o que pode influenciar diretamente na adesão a comportamentos seguros pelos profissionais da equipe e diminuir a qualidade da assistência.

Palabras clave : Segurança do Paciente; Cultura Organizacional; Profissionais da Saúde.

        · resumen en Español | Inglés     · texto en Español | Inglés | Portugués     · Español ( pdf ) | Inglés ( pdf ) | Portugués ( pdf )